Uranium Backup
O software mais completo e versátil para transferências de dados e backups múltiplos.

Backup de fita: por que a fita acaba?

Como uma empresa de software que fornece soluções de backup, acabamos lidando com os problemas dos nossos clientes. Com relação aos backups em fita, muitas vezes acontece de a fita acabar, aparentemente, muito cedo ou que são gravados muitos bytes dos cartuchos em comparação com os dados de backup.

As fitas são dispositivos de armazenamento baratos e confiáveis, mas sua capacidade máxima é afetada por diversas variáveis. Este artigo foi escrito para ajudar a solucionar seus problemas.

Capacidade da fita e compactação dos dados

Há muita confusão sobre as capacidades anunciadas e práticas das fitas. Normalmente, a caixa de cartucho mostra a capacidade máxima atingível por meio de uma relação de compressão de 2: 1. Em resumo, significa que os fabricantes supõem que 800 GB de dados podem caber em um a fita de 400 GB – capacidade real.

Esse cenário é mais otimista e temos que considerar que a maioria dos formatos de dados de hoje – como .docx, .png ou .jpeg – já estão compactados; com esses arquivos, não haveria nenhum ganho, e às vezes a compressão desperdiçará espaço em vez de economizar. Além disso, diferentes algoritmos de compressão produzem diferentes resultados, dependendo dos dados copiados.

Uma “capacidade de fita ideal” muito mais razoável fica em um intervalo entre o físico, 400GB para uma fita LTO3 padrão por exemplo, e uma taxa de compressão baixa como 1.2:1 ou 1.3:1 (se a compactação está habilitada).

Fluxo de dados a partir de host SCSI para a unidade de fita

Para gravar de maneira eficiente nos cartuchos, as unidades de fita precisam receber um fluxo de dados consistente e rápido o suficiente. As unidades gravam os dados em grandes pedaços chamados quadros e quando o fluxo é interrompido, elas os enche com zeros, desperdiçando a capacidade das fitas.

Gargalos e/ou problemas de configuração do seu hardware e da rede podem aumentar o desperdício de espaço na sua fita.

Erros de gravação

Quando a unidade de fita detecta erros de gravação, ela tem que gravar os dados novamente. Fitas antigas, cabeças de leitura sujas ou uma unidade defeituosa podem desperdiçar a maior parte da capacidade disponível. É importante limpar regularmente as cabeças da unidade para manter a capacidade ideal.

Como corrigir “problemas de capacidade”

Primeiramente, verifique a capacidade efetiva da fita. Se você não pode consegue gravar 580 GB de dados em uma fita LTO3 de 400/800 GB (real/comprimido), não há problema algum. Você tem que dividir o backup em várias fitas.

Verifique a saúde da sua unidade e da fita usando um software de manutenção como o HP Library and Tape Tools. Em seguida, limpe as cabeças de leitura/gravação com o cartucho de fita de limpeza.

Se o problema persistir, investigue a consistência do fluxo de dados entre os discos de armazenamento e a unidade de fita. Reduzir as cargas do hardware de rede e de armazenamento pode ajudar a conter a quantidade de dados gravados.

“Uma avaliação do Uranium foi publicada na PC Professionale de março de 2012, uma revista italiana. A seguir, alguns trechos do artigo: … Leia mais >>

PC Professionale (Revista Italiana)

“A facilidade de uso, a ampla gama de opções e a flexibilidade fazem com que o [Uranium Backup] seja realmente competitivo para … Leia mais >>

TechArena
Tech Arena (site italiano)

“O software de backup Uranium é usado em nossos laboratórios para a transferência de informações importantes entre um sistema automático Brick Assembly … Leia mais >>

INFN
INFN – Ubaldo Denni

Ingresse em nosso programa de revendedores!

É muito fácil tornar-se um revendedor do Uranium Backup.
Aumente seus lucros ao vender uma solução profissional e amplamente difundida.
Descubra!